Por que construir um a equação do casamento | Por Luiz Hannz


No Capítulo 1 de seu livro “A Equação do casamento“, Luiz Hannz justifica a importância da construção de uma equação. “A questão é que, numa relação amorosa, há um número enorme de fatores em jogo, e não é fácil visualizar quais são as fortalezas e vulnerabilidades de seu casamento nem testar como esses elementos se relacionam entre si”.  A equação é para visualizar melhor antes de iniciar quaisquer mudanças.

Tal equação tem como objetivo descrever as diversas possibilidades dentro de um casamento: cada um carrega modelos, expectativas, sonhos, desejos e conhecer para harmonizar tudo isso numa relação pode não ser tão simples quanto parece no início dos relacionamentos.

A equação apresenta seis dimensões presentes no casamento e vale para casamentos heterossexuais e homossexuais:

  1. Compatibilidade psicológica
  2. Saber conviver a dois
  3. Graus de consenso
  4. Atração e vida sexual
  5. Ciclos de vida, pressões e frustrações externas
  6. Vantagens de permanecer casado

Essas dimensões se somam e influenciam mutuamente totalizando o grau de satisfação do casamento. Se uma área estiver muito prejudicada pode desequilibrar as demais, bem como uma dimensão satisfatória pode compensar as deficiências de outras. Tudo dependerá do estilo de casamento, do contexto pessoal e cultural.

Para saber mais sobre o livro, clique aqui.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *